Nutriente | Fibra

A fibra dietética é descrita como uma classe de compostos de origem vegetal constituída sobretudo de polissacáridos e substâncias associadas que, quando ingeridos, não sofrem hidrólise, digestão e absorção no intestino delgado dos humanos. Esta pode ser classificada em duas categorias de acordo com a sua capacidade de se dissolver na água: fibras solúveis e insolúveis.

Os alimentos mais ricos em fibras solúveis são a aveia, cevada, verduras, leguminosas, maçãs e citrinos.

Por outro lado, os alimentos mais ricos em fibras insolúveis são os vegetais de folha verde, cereais integrais e farelo de trigo.

Benefícios da fibra

Efeito benéfico no controlo da diabetes;
Reduzem a obstipação e melhoram o trânsito intestinal;
Aumentam o efeito de saciedade importante no combate à obesidade;
Têm um efeito hipocolesterolémico, ou seja, o seu consumo leva a uma redução dos valores séricos de colesterol;
Efeito preventivo no desenvolvimento de patologia cardiovascular;
Efeito protetor no desenvolvimento de cancro, especialmente, no cancro do cólon.

Recomenda-se a ingestão diária de pelo menos 25g/dia de fibra para a sua ação benéfica.

Partilhar
Topo